Terça-feira, 5 de Janeiro de 2010

Extratos do Regulamento

Artigo 11º

(Critério de rigor)

            Para garantir o rigor de um trabalho por participante, todos os trabalhos terão de ser acompanhados por um número de identificação legal do participante (ex: nº do B.I.), que não será publicado, sendo que o participante se disponibilizará, se solicitado, a enviar uma cópia do respectivo documento, sob pena de exclusão.

 

 

Artigo 16º

(Condicionamentos do concurso)

            O concurso só se realizará se obtiver um número mínimo de 20 participantes, e será limitado a um número máximo de 250 participantes.

publicado por poesiaemrede às 01:15
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 5 de Janeiro de 2008

Um Poema Vale 150 Euros

Já se atingiu o número mínimo de poemas para o prémio ser entregue. Por isso, um destes  Poemas a Concurso vai vencer e o seu autor receber um prémio de 150 euros.

Quem desejar participar deve  Consultar o Regulamento

Mais sobre 
"Poesia em Rede".
publicado por poesiaemrede às 01:54
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 8 de Dezembro de 2007

Cada dia, um poema, de cada terra!

Em oito dias recebemos oito poemas para concurso (mais os que não cumpriam o regulamento). Temos três meses para esta fase, excepto se se alcançar o limite de 250 poemas sobre "A Minha Terra". Recordamos que o prémio só é atribuído perante um mínimo de 20 poemas participantes.

Esperamos que todos estejam a activar a sua criatividade poética, ou a seleccionar um dos poemas escritos no passado.

Este projecto prolonga-se no tempo, porque aqui a poesia é para ser "saboreada". Contamos com a participação de todos os que gostam de a saborear, para entrarem nesta "rede"  mostrando também a veia poética própria!

Por aqui pode saborear os Poemas a Concurso

Por aqui pode (e deve) Consultar o Regulamento

Por aqui pode consultar a página principal de "Poesia em Rede"


publicado por poesiaemrede às 23:59
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 1 de Dezembro de 2007

Convite - "Poemas da Minha Terra"

Vimos por este meio convidar todos os internautas e bloggers, amantes da poesia e da língua portuguesa, a participar no II Prémio de Poesia em Rede "Poemas da Minha Terra!

Só têm que enviar um poema subordinado ao tema "A Minha Terra".

O poema mais votado receberá um prémio de 150 euros!

Não esquecer de consultar o Regulamento!

publicado por poesiaemrede às 02:16
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 5 de Fevereiro de 2007

Dia de S. Valentim

Agora que se aproxima o dia dos namorados, dia de S. Valentim, convidamos todos os apaixonados e enamorados a fazerem a sua declaração de amor à pessoa amada através deste Concurso de Poemas de Amor.

Pois quanto maior for o maior for o amor, melhor será o poema, e maior será a probabilidade de ganhar este concurso de poesia.

E que todos sejam felizes, com o amor, e com a Poesia.

 

publicado por poesiaemrede às 15:50
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 29 de Janeiro de 2007

Recepção de Poemas

Encontramo-nos na fase de recepção de Poemas de Amor.

Os interessados em participar neste concurso de poesia devem consultar o regulamento neste endereço http://poesiaemrede.no.sapo.pt/PERRegulamento.html

Boa sorte a todos.

publicado por poesiaemrede às 16:05
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 16 de Janeiro de 2007

Ganhe 100 euros com um poema de amor!

Apesar deste concurso de "Poemas de Amor" ainda se encontrar no seu início, queremos desde já alertar os interessados em concorrer para os limites à recepção de poemas, para os quais seremos rigorosos:

Não aceitaremos nenhum poema para além do estabelecido no regulamento, isto é, após atingirmos os 250 poemas, ou após as 23:59h do dia 31 de Março. 

 

publicado por poesiaemrede às 16:48
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 14 de Janeiro de 2007

Informação Importante aos Concorrentes

Informamos os concorrentes que os poemas uma vez enviados e publicados não serão alterados no seu conteúdo, pelo que devem ter também em atenção o título e o nome pelo que os assinam.

Informamos também que os mesmos não serão excluidos excepto se se verificar incumprimento do regulamento.
publicado por poesiaemrede às 00:53
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 4 de Janeiro de 2007

Primeiros Poemas Publicados

Já se encontram publicados os primeiros Poemas de Amor.

Podem ser lidos em:

http://poesiaemredeamor.blogs.sapo.pt/

Aguardamos que envie o seu.

Não se esqueça de consultar o regulamento!
publicado por poesiaemrede às 18:41
link do post | comentar | favorito
|

Títulos dos Poemas

Alteração ao Regulamento - Informamos que ao contrário do previsto no art.º 9º  do regulamento, será usado, para publicação, o primeiro verso do poema, como título, quando o mesmo não possuir título.
publicado por poesiaemrede às 18:17
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 27 de Dezembro de 2006

Extrato do Regulamento - Prazos

11º

(Prazos)

            O concurso rege-se pelos seguintes prazos, que poderão ser alterados se entretanto forem cumpridos todos os parâmetros, sem que disso resulte prejuízo para os participantes:

a) Até 31 de Dezembro de 2006 – Divulgação do concurso.

b) Entre 1 de Janeiro e 31 Março de 2007 – Recepção e Publicação dos Poemas

c) De 1 a 30 Abril de 2007 – Recepção das Classificações.

d) De 1 a 31 de Maio de 2007 – Publicação dos Vencedores

publicado por poesiaemrede às 20:05
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 12 de Novembro de 2006

Regulamento já disponível

Já esta disponível o regulamento deste concurso de poesia. Mas para participar, só a partir de 1 de Janeiro.
publicado por poesiaemrede às 19:09
link do post | comentar | favorito
|
Link_para_Poesia_em_Rede

.Informações Recentes

. Extratos do Regulamento

. Um Poema Vale 150 Euros

. Cada dia, um poema, de ca...

. Convite - "Poemas da Minh...

. Dia de S. Valentim

. Recepção de Poemas

. Ganhe 100 euros com um po...

. Informação Importante aos...

. Primeiros Poemas Publicad...

. Títulos dos Poemas

. Extrato do Regulamento - ...

. Regulamento já disponível

.Maio 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
14
16
17
18
19

20
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.arquivos

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.Site Principal

.tags

. todas as tags

Site_Poesia_em_Rede
blogs SAPO

.subscrever feeds

visitas
Contador de visitas