Sexta-feira, 10 de Abril de 2009

PER 3: Como Votar!

Para aqueles que ainda não votaram e chegaram ao fim do Prémio de Poesia em Rede sem ler o Regulamento aqui vai a informação de como devem votar.

 

Enviem para o endereço de Poesia em Rede um mail com:

 

Melhor Poema: Número; Título; e Autor

Segundo Melhor Poema: Número; Título; e Autor

Terceiro Melhor Poema: Número; Título; e Autor

 

Para facilitar: Poema com que concorreram (Número, Título e Autor)

 

Assim se fecha a rede, tornando-se os participantes simultaneamente juri do concurso!

 

As votações terminam no dia 30 de Abril, ou quando todos tiverem votado.

 

Atenção: Um poema premiado cujo autor não tenha votado perde direito ao prémio!

 

Boa sorte a todos!

 

 

 

publicado por poesiaemrede às 01:10
link do post | comentar | favorito
Sábado, 5 de Janeiro de 2008

Um Poema Vale 150 Euros

Já se atingiu o número mínimo de poemas para o prémio ser entregue. Por isso, um destes  Poemas a Concurso vai vencer e o seu autor receber um prémio de 150 euros.

Quem desejar participar deve  Consultar o Regulamento

Mais sobre 
"Poesia em Rede".
publicado por poesiaemrede às 01:54
link do post | comentar | favorito
Domingo, 29 de Abril de 2007

Melhores poemas eleitos por metade!

Embora, tal como aconteceu com os poemas, seja possível recebermos muitos votos nos últimos dias, informamos que , se assim não acontecer, os melhores poemas vão ser eleitos apenas por metade do participantes.

Até ao momento apenas escolheram os melhores poemas deste prémio de poesia 50% dos participantes.

Recordamos  também que existem poemas bem posicionados na votação de cujos autores ainda não votaram, e, no caso de vencerem, não lhes será atribuído prémio.

Esperamos uma avalanche de votação nestes dois derradeiros dias!
publicado por poesiaemrede às 01:30
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 23 de Janeiro de 2007

INFORMAÇÃO aos participantes

Informamos que tentaremos, dentro do possível, publicar cada poema exactamente como é recebido, no entanto,  assumimos o direito de alterar a sua apresentação gráfica - nomeadamente a fonte e tamanho da letra - de forma a manter uma apresentação relativamente uniforme em todos os poemas publicados.

Esperamos que compreendam e aguardamos mais "Poemas de Amor". E quem sabe se não será o seu (o teu) poema o vencedor!
publicado por poesiaemrede às 16:18
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Segunda-feira, 22 de Janeiro de 2007

Poetas em Rede

Neste Concurso de Poesia em Rede apenas é nosso propósito criar rede através dos Poemas enviados pelos participantes e pela avaliação que os demais irão fazer deles.

Não colocaremos, assim, ligações para as páginas pessoais ou blogs dos autores, até porque alguns preferem manter-se no anonimato.

No entanto, os autores que desejarem identificar-se podem fazê-lo eles próprios através do perfil do blog ou através dos comentários (identificando-se como autores e criando os respectivos links). Não assumiremos no entanto qualquer responsabilidade a este nível.

 

publicado por poesiaemrede às 16:18
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 19 de Janeiro de 2007

Poemas de Amor Precisam-se

Onde estão os poetas deste país que não enviam poemas para este concurso de poesia!?

Será que querem ler só eles os poemas de amor que escrevem!?

Aproveitem esta oportunidade para provarem aquilo que valem! Pois aqui, não só vêm publicado um dos vossos poemas como vão ser lidos por outros poetas que os vão avaliar.

É diferente de publicar apenas por publicar, ou de serem lidos apenas por ler!

Já agora, os poemas já publicados nos vossos blogs também podem ser enviados, pois apesar de pedirmos poemas inéditos e não publicados, não consideramos, para esse efeito, a publicação em blogs ou páginas pessoais na internet.  Apenas aceitamos um poema por autor, ou seu representante. E podem ganhar os 100 euros do prémio!
publicado por poesiaemrede às 12:53
link do post | comentar | favorito

.Informações Recentes

. PER 3: Como Votar!

. Um Poema Vale 150 Euros

. Melhores poemas eleitos p...

. INFORMAÇÃO aos participan...

. Poetas em Rede

. Poemas de Amor Precisam-s...

.Maio 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
14
16
17
18
19

20
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.arquivos

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.Site Principal

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds